domingo, 13 de março de 2011

“ Armadura de um poeta...



“O que poderia
Proteger um poeta
Quem sabe um lápis, um sonho
E um pedaço de papel.

Seria possível
Fazer de pensamentos
Uma forte e preciosa
Obra protetora.

E no final será está armadura
Mais forte que tal emoção.

E quando terminar
Deixarei o céu admirar
E Contemplar de como és bela
Armadura de um poeta.

Fazendo que seu brilho
Possa iluminar
Os caminhos de um poeta
Por onde nascem grandes histórias
De amor e paixão
Ódio e ilusão.
  
E sendo assim
Armadura de um poeta
Protege este coração
Que não se cansa de escrever
Falando para a vida
Contemplando as estrelas
Que sempre estão piscando
Sendo refletidas
Em armadura de um poeta...