Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2012

Felicidade...felicidade...felicidade.

Queridos amigos sequidores gostaria de avisar que o Blog entrará em periodo de férias e voltara se Deus quiser em Janeiro...Sendo assim desejo boas festas, paz, alegria, muito amor e felicidade...continuem acreditando e buscando seus sonhos.. Forte abraço e felicidades.

Lembranças de um poeta compositor

Já não lembrava
O quanto era especial
O cantar dos pássaros
E o caminhar na areia
Ao som do mar.
Era um tempo de alegria
Uma criança em sintonia
Com a realidade e a fantasia.
E entre as lembranças
Os anos passaram
Mudando meu tempo.
Era um vez uma criança
Hoje um adulto
Um poeta compositor
Na beira do mar.
Vou fazer  uma canção
Que fala de saudade e tempo
De sonho e realidade.
Vou juntar cada nota
Misturar com sentimentos
E um pedaço do meu coração.
Para encantar e fazer sentir
A beleza da vida
Do tempo e do mar.
Mas espere...
Por enquanto nasceu poesia
Ao olhar o horizonte
Com o rabiscar das ondas do mar.

Para sempre...você

É fim de tarde
Chega a chuva
Trazendo saudade
Em gotas cristalinas.Vem o vento
Que é suave
Nesta tarde de saudade.Neste momento
Poderia deixar
Meu coração chorar
Ao lembrar de você.Mas a bela lembrança
Sempre é mais forte
Quando penso
Em nossa amizade
Que é carinho
Encantado amor.Apenas uma lágrima deixo cair
Não é por solidão
É para lembrar
Que passe o tempo
Eu sempre...
Vou amar você.

Enfim, meu querido amigo

Antes de chegar até aqui
Já chorei, lamentei
E esqueci o que é sorrir.
Faltando a libertade
Fiz meu pensamento
Prisioneiro do meu coração.
Minha vida que era alegria
Em um momento
Virou uma amarga fantasia.
Com rios turbulentos
Perdi na noite
O sono tranquilo. Era mais fácil desistir
Mergulhar na escuridão
Até me fazer pensar
Que meu anjo foi embora.
É minha culpa?
Porque ?
Minha vida virou ilusão.     Mas entre tanto sofrimento
Ainda espero
Um novo dia.
Para me fazer entender
Que nos caminhos que passei
E pensei estar sozinho
Uma luz esteve comigo.
Era meu amigo
Eu não sabia
Era meu anjo
Que me seguia.
Esteve sempre comigo
Não me abandonou na escuridão
Foi a espada e o meu escudo
Nas batalhas desta vida. Passem os dias e as noites
A partir de hoje
Eu entendo e agradeço
Com carinho e gratidão.
Para meu anjo
Que não me deixou desistir
Enfim, meu querido amigo.

Enfim, meu querido amigo


Imagem; Young Couple by Peter Griffin

Refúgio e liberdade

Quando amanhece
Arrumo a mochila
Com providências para acampar
Meu diário, minha câmera
E um pedaço de lápis azul.

Deixo a cidade
Para entrar na floresta
Até meu refúgio
Que é uma velha casa na árvore.

Onde posso contemplar
As árvores, os passáros
E as montanhas no horizonte.

Liberdade que brota neste lugar
Pela força da natureza
Chega com o vento
Trazendo o recomeçar.

Ficarei neste dia
Vivendo este momento
Até o cair da noite
Para as estrelas observar.

Isto não é sonho
Mas parecia
No momento que acontecia.

Esqueço as magóas
Lágrimas e ilusões
E adormeço sem ter medo.

Tenho fé, Deus e as estrelas
Em meu refúgio
Eu posso acreditar
Que ao amanhecer
Terei liberto meu coração.


Refúgio e liberdade


Imagem;  Hiking by Andrea Schafthuizen

Um segundo em poesia

Em um segundo
Vou comprimir o tempo
Não sou o dono da verdade
Não sou o Deus do tempo.
Sou aquele que escreve
E deixa a poesia acontecer
Quando chega na noite
Parando no pensamento.
E em um segundo
Com as letras faço nascer
Meu universo paralelo
Onde a poesia é doçura e reflexão.
Gota de orvalho é de cristal
E a realidade é apenas fantasia
Em um segundo em poesia
Que apenas existe no meu coração.
Um segundo em poesia
Imagem;  Relógio da cidade por Vera Kratochvil

Chuva...faz tempo

Fazia tempo que não sentia
A sensação da chuva fina
Que renova minha alma
Quando chega no amanhecer.
Detalhes preciosos
São as pequenas gotas no telhado
Cada batida misturada ao vento
Até passear pelo vidro da janela.
Chuva no amanhecer
Que traz um novo tempo
Fazendo cantar os pássaros E a brotar os campos secos.
Vou até a janela
Deixar meus olhos se encantar
Hoje volto a sorrir
E a sentir a vida
Ao reencontrar a chuva
Que a tempo não via. 

Chuva...faz tempo

                 Imagem; Homem e guarda-chuva por Jiri Hodan

Quando virar um sonho

Perdeste pela noite
Em caminhos enigmáticos
Tempo valioso.
Não achando saída
Restaram suas lágrimas
E sonhos perdidos.
A vida maltrata e liberta
Entre portas fechadas
Existem janelas abertas.
É preciso mudar
Pensamento e coração
Ainda há tempo
Para recomeçar a sonhar.
Mudar como um dia
Que é diferente do outro
A primavera que se renova
E cada vez é mais bela.
Como a chuva que é fria
Em noite de solidão
Também pode ser quente
Em uma história de amor.
Não perca tempo
Minutos preciosos
Precisam ser felizes
Preciosas recordações.
E ao passar os anos
Quando virar um sonho
Será eternamente lembrado
Pela força do seu coração.

Quando virar um sonho
Imagem;  Em Um Sonho por Effy Huang

Seu nome é rosa angelical

Bela mulher guerreira
Que certa vez conheci
É um sonho encantado
Que fez meu coração sorrir.
Conquistaste minha amizade
Uma rosa azul
Para seu jardim. Será que é real?
Quem sabe!
Um ser angelical.
És abençoada pela verdade
Sincera com seu coração
Me deixa feliz
Em escrever e dedicar
Um presente em palavras.
Para uma mulher especial
Aos olhos carinhosos
De um escritor sonhador
Seu nome é...rosa angelical.

Texto dedicado a minha amiga Rôsangela

Seu nome é rosa angelical
Imagem;  Rosa florescendo 3 por Mikaela Dunn

Amanhecer em um mirante azul

Sinto a brisa no amanhecer
Neste mirante
Na beira do mar.
Onde meus olhos se perdem
Deixando meu coração voar
Entre um suspiro profundo
E a imensidão deste lugar.
É bela sintonia
O mirante e o horizonte
A natureza meu sonho e o mar.
Neste mundo turbulento
Onde é difícil ser compreendido
Como um sonho verdadeiro.
Deixo multiplicar meus pensamentos
Quero ser feliz
Amar e ser amado.
E ao amanhecer neste mirante azul
Boas vibrações
Eu sei!
Irão chegar.




Amanhecer em um mirante azul
Imagem; De madrugada por Bobby Mikul

Rosa sem jardim

Na janela fica todo dia
Sentindo a fria chuva forte
Ou a morna chuva fina.Ela fica sozinha
Na janela sem jardim
Onde a vida passa a cada dia.A rosa na janela
Resta esperar
Pelos ventos da primavera
Trazendo paz e alegria
Para não ficar mais sozinha.

Neblinas no destino

Ao amanhecer
Ele ainda tem força
Para abrir a janela.No alto da montanha
Em um velho
Branco castelo.Onde a neblina se mistura
A grandiosas árvores
Em reação mística.Fazendo seu olhar
Buscar no horizonte
Seu sonho perdido.O sol já vem chegando
Olho de fogo que nasce
Lançando seus raios
Pela floresta de carvalho.E essa neblina
Que passa como tempo
Um detalhe a recordar
Em mais um dia que vai passar.Este senhor tem seu lamento
No tempo que na juventude perdeu
Sendo egoista
Não tendo amizades
Laços verdadeiros
E o amor sincero.E agora resta o amanhecer
Para admirar a neblina
Que passa rapidamente
Como passou a sua vida.Esse seria seu destino
Mas ao piscar os olhos
Ele despertou deste pesadelo.Não é este o seu futuro
Antes que a neblina
Mude seu destino
Poderá recomeçar.

Meu sonho sem você

Depois da fria noite
Que em sonhos
Não encontro você.Fico no amanhecer
Com meus pensamentos
E olhos cansados
Por não te esquecer.Resta em meu dia
Meu olhar perdido
Que voa com o vento
Procurando se libertar.Desta sensação que sufoca
Saudade aperta
Mas é preciso
A vida continuar.Faço o que deseja meu coração
Na gaveta pego uma folha
E rabiscando em linhas
Transformo letras
Pensamento em poesia.Escrevo sobre o presente
Lembrando nosso passado
Fazendo planos para o futuro.Seja o recomeçar
Ainda apenas um sonho
Mas na realidade que espero
Sei que em breve
O meu sonho
Não será sem você.

Inverno especial

É mês de julho
O frio chegou
E no amanhecer
Que venta forte
Tudo parece congelar.Estação que encanta
Me faz nesta manhã
Ter um belo motivo
Para no jardim branco caminhar.  Passo por um caminho de pedras
Entre folhas no chão
Que observadas por tímidos raios de sol
Levemente saem voando.E neste momento
Um pensamento
Faço planos felizes
Que aquecem meu coração.Nesta sensação
Que sopra o vento do norte
Me lembra um amanhecer europeu
Ao viver este momento.E ao passar embaixo de um velho carvalho
Encontro sentada em um banco
No branco jardim
Ela me espera
Com seu aquecido abraço
Isso é a minha felicidade
Nesta especial manhã de inverno.

É o gato

Pela madrugada
Pata por pata
Vem o gato
Em cima do muro.Ou bem alto
No velho telhado
Fazendo barulho.Gato esperto
Que olha, pula e procura
Um lanche na madrugada
Ou um amor felino.Uma linda gata angorá
Que encanta
Velho gato malandro
Com o brilho do luar.

Estrelar

Ela tem olhos azuis
Pela noite estrelar
Sorriso brilhante
Com faíscas a iluminar.Como posso não perceber
Que ser seu amigo
É navegar por chuva no céu
Vivendo entre estrelas cadentes.Como é bom recordar
E lembrar
De seu sorriso
Em noite estrelar.

Folhas do tempo

Tudo acontece e permanece
Nos caminhos da vida
Passa o dia
Vem a noite
Sempre rotina.E neste momento
O que importa
É compreender
O sopro da vida.No relógio do tempo
Que passa lentamente
Como folhas ao vento.O que importa
Ação e reação
Em um piscar
Tudo acontece
E termina
Feito a ação do tempo.

Sociedade 4D

Neste momento
Em exato sopro
Tudo acontece.Mudanças naturais
Conflitos mundiais
E o homem sonhando ir além da lua.E uma fagulha é estudada
Pela ciência em conflito com a religião
Será uma particula o principio da vida?Vivemos os efeitos tecnológicos
A todo instante
É arte nesta atual modernidade.Nesta tendência hi_tech
Podemos viajar pelas dimensões
Ao sabor da ilusão
Sem sair do lugar
Que aos olhos engana
Mas encanta.Ao piscar os olhos
Em segundos somos lançados
Ao mundo da fantasia
É o efeito 4D
Presente em nossos dias.Já é futuro
Neste presente
Nesta vida .E ao meditar
Se pode entender
Em efeito aspiral
Que tudo acontece
Nesta sociedade 4D.

Sorriso em Nova York

Em dia nublado
Na companhia de passos rápidos
Entre a neblina
Sinto o vento que chega a minha face.Meu olhar distante
Em pensamento constante
Para te encontrar.Com minha capa ao vento
Entre gigantes de concreto
Me lanço entre a multidão
Em sentido ao parque central É onde ela me espera
Em um momento
Simples e especial.Emoção vem me abraçar
Quando seu sorriso
Encontra-se com o meu
Encantado olhar.E ao passar o tempo
Essa lembrança
Não será um momento
Perdido no tempo.Mas um sorriso
Que em  Nova York
Marcou eternamente
O meu sonhar.

Estrelas no coração

Pelo céu posso voar
Sou a alegria em seu olhar
Sou poesia
E a canção a te acalmar.Tenho guardado este presente
Uma estrela no meu coração
Que lhe entrego
Para a sua vida iluminar.Não pense
Que se entregar uma estrela
Do meu coração
O meu céu deixará de brilhar.Mas acredite...
Onde existe uma estrela
Muitas ainda estão guardadas.Mesmo que olhe e não encontre
Elas sempre estaram esperando
No meu coração
Para os seus sonhos iluminar.

É pura amizade

Quero que sejas, meu amigo
Como um anjo das estrelas
Para iluminar o meu caminho
Feito um sorriso no amanhecer.

Com encanto angelical
Doce ser encantado
Que me faz sonhar acordado
Pela força de suas palavras
Que brota do seu coração.

É pura amizade
Que não me deixa desistir
Me faz sempre vencedor
Dos obstáculos desta vida.

É pura amizade

 Imagem; Teddy Bears by Petr Kratochvil

Enfim, dias felizes

Quando chegar
Meu dia feliz
Assim como os raios de sol
Depois da chuva.

São raios azuis da felicidade
Fazendo renascer meu coração
Como um pássaro
Renascido das cinzas.

Tenho alma da fénix
Sou forte em meu caminho
Nada mais a lamentar
Tanto a sonhar
Quando meu dia feliz
Enfim, chegar. 

Enfim, dias felizes

 Imagem; Sunset Stroll On The Beach by Andrew Schmidt

Reflexo da Solidão

Quando sentir
Que seu coração
Não encontra sua direção
Não se importa
Com a beleza do amanhecer
Ou o encanto do entardecer.

Quando a vida parecer sem emoção
Sentindo-se a beira de um abismo profundo.

São obstáculos a ultrapassar
Batalhas que na vida
Se apresentam
Fazendo sofrer
E as lágrimas derramar.

Mas em um novo dia
Tudo pode mudar
E a vitória conguistar.

Mudando direções
Para o pensamento renovar
Deixando para trás
O dia que o coração encontrou
O reflexo da solidão
E assim recomeçar...


Reflexo da Solidão

Imagem;  Sunset Sky by Anna Langova

Sentimento estrelado

Ao olhar a lua da janela
Na rua da minha casa
Observo estrelas piscando
Um sorriso de anjo
Quem sabe deve ser assim.
Meu anjo encantado
Que distante se encontra
Lança na noite seu sorriso
Sentimento estrelado
A encontrar meu coração.
Me encanta sua lembrança
Sonho acordado
Olhando as estrelas
Que formam seu sorriso
A encantar meu coração.
Vivo na rua dos anjos
Na janela do seu coração
Não sou ilusão
Sou a lembrança
Que sempre ilumina
O seu coração.

Meus sonhos rabiscados

Ao  abrir meu coração Com o passear De um lápis herdado De um velho senhor.
Em minhas palavras Pela noite escura Faço nascer lua azul.
E no amanhecer Tudo e perfeito Cada momento Um motivo para sonhar.
Vivo entre o tempo real A imaginação e o rabiscar Procurando a semente do sonho Guardada em coração escritor. Dedico tempo e momento Entre um piscar de olhos Na saudade de um sorriso.
Não temendo o esquecimento Quando perdido me encontro Em cada letra, sentimento Um sorriso a rabiscar Um novo momento Uma escrita a compartilhar.
Sou aprendiz da vida Escrevo saudade Amor e alegria O que agrada O que sonha Meu coracão.
Sendo artista da vida Um escritor buscando Seus sonhos em cada rabiscar.

Meus sonhos rabiscados




Um pensamento e uma xícara de café

Sentado a mesa Sozinho a pensar É fim de tarde A minha frente Um horizonte a contemplar.
Ao meu la lado A vida segue Me chamando a atenção Aquela bela moça De sorriso fácil.
Que vem em minha direção Coração que bate Já sabe, que ela vem Com uma xícara de café.
Ela tem um olhar Verde esmeralda Ela me conhece Seu carisma denúncia.
Ela chegou e partiu Em nova direção Vai minha pequena Sorriso fácil Olhar de esmeralda.
Até a próxima xícara de café Que espero em novo dia Quando ela regressar Fazendo o coração feliz.
Ela me conhece Sou seu amigo Sou se pai.
Até o próximo dia Com um pensamento E mais uma xícara de café.


Um pensamento e uma xícara de café


Café por Jiri Hodan

Retorno a Arcangel

Já passou tanto tempo Tinha saudade Decidi retornar.
Agui estou a navegar Pelo mar branco A congelar o corpo Mas ainda assim Aquece meu coração A recordar este lugar.
Indo para o norte Passando entre montanhas Vejo no horizonte A minha encantada Sonhada cidade de Arcangel.
Que saudade Por um instante Me vejo criança Desbravando a minha curiosidade.
Subindo pelo mirante abandonado Ao olhar o urso e o dragão do mar Assim eram conhecidos Os navios viajantes do mar Que o gelo podia enfrentar.
Era assim a minha vida Onde minha história começou Passou o tempo Me aventurei pelo mundo Lugares fascinantes para sonhar.
Sei que não sou mais criança Já tenho familia Filhos e meu grande amor.
O passado e o presente Um futuro a sonhar Estou de volta Arcangel Cidade de um eterno Coração fiél...

Retorno a Arcangel


Imagem; Tour do Mont Blanc por Michel Bousquet

Sou seu sonho encantado...

Para coração distante
Nossa amizade permanece
Passa o tempo
Cai a chuva.

Pelo amanhecer
Ou entardecer
Voa minha saudade
Ao seu encontro.

Para coracão distante
Sei que sou
Seu sonho encantado.

Sonho que não termina ao despertar
Mas continua a encantar
Na realidade
Ajudando nas dificuldades
Que surgem pelo caminho.

A saudade permanece
É assim a nossa história
Sou seu sonho encantado
Até breve
Coração distante...




Sou seu sonho encantado...



Imagem; Castelo de Hluboka por Petr Kratochvil

Viagens no Sonho Azul

Ao fechar os olhos Em uma fração de segundos Visualizo inúmeras cores.
São fusões cintilantes Raios estrelados Lançados sem direção.
Estranho lugar Que o tempo não passa Mas passa veloz Relógio quebrado Pairando no tempo.
Olhos fechados Para não entender Mas se perder Em um labirinto na mente Onde tudo acontece Sem direção.
Vejo um deserto no espaço Confusões do sentimento Efeito passageiro Que passa Ao piscar os olhos.
Em segundos tudo acontece Fazendo surgir o enfeitiçado trem Que pelos trilhos da mente Vaga sem direção Sem encontrar sua estação Como manda o coração.
Ao fechar os olhos Quero esquecer o tempo E assim mais uma vez viajar  No encantado Sonho Azul O trem dos meus pensamentos. .
Viagens no Sonho Azul



Redemoinhos Azul por Sharon

Uma luz na minha vida

Ao horizonte lanço o meu olhar Da minha janela No alto de uma colina.
É fim de tarde de primavera Penso na vida. Na saudade De um amigo distante.
Percebo meu futuro Que começa a ser desenhado E no horizonte Admiro estrela do dia.
Que lentamente cai Entre colinas verdejantes E nuvens brancas de algodão.
Por um momento Esqueço o que me aborrece Saudade distante Ou lágrimas derramadas.
Tenho a esperança Amanhã será um novo dia Uma luz irá chegar  Como um sonho na minha vida.



Uma luz na minha vida


Pôr do sol por Piotr Wojtkowski